Em meio a erros e acertos saiba quais são as melhores e piores companhias aéreas dos Estados Unidos

Não é de hoje que os clientes das operadoras De linhas aéreas norte- americanas, vêm enfrentando uma série de desajustes durantes os voos. Os serviços das administradoras de linhas aéreas vêm se tornando mais baratos, é verdade. Porém, em contrapartida percebe – se uma série de atrasos, descaso com as bagagens, sem contar na tripulação ineficiente.

Durante o ano de 2014 os passageiros que utilizaram as linhas aéreas operadas nos ares dos Estados Unidos tiveram que enfrentar cerca de 66 mil voos cancelados a mais do que o mesmo período em 2013. Como não poderia deixar de ser, as reclamações aumentaram cerca de 26%, é o que conta o site especializado FlighStats Inc.

Bem verdade que o clima não ajudou muito as operadoras de linhas aéreas. Cerca de 30% desses voos foram cancelados devido às más condições meteorológicas. Diante disso, os atrasos destas linhas aéreas são geralmente ocasionados pela falta de equipamentos dos aeroportos e não necessariamente problemas envolvendo as companhias.

O que se sabe é que as operadoras de linhas aéreas norte-americanas fizeram apostas altas em 2014. Com margens de lucros maior e menor preço de combustível, as gerenciadoras de linhas aéreas estão realizando uma série de investimentos maciços em novas tecnologias.

Por outro, os números da aviação comercial norte – americana mostram que este setor ainda precisa evoluir muito. Muitas falhas geradas por parte das operadoras de linhas aéreas fizeram com que diversos clientes esperassem por mais de um dia em terminais aeroportuários, por exemplo.

Em meio aos erros e acertos, o ranking anual The Middle Seat, fez classificação das melhores e piores operadoras de linhas aéreas dos Estados Unidos. Critérios como desempenho e custo- benefício foram avaliados.

As duas melhores operadoras de linhas aéreas dos EUA, segundo o ranking, são a Alaska Airlines e a Virgin American.

A primeira delas vem investindo em tecnologia, foi responsável pela criação de sistemas que permitem localizar aeronaves em situações de extremo nevoeiro, além de sistemas que garantem a entrega de bagagem em até 20 minutos.

A operadora de linhas aéreas Virgin American destacou – se durante o ano passado por criar um programa de incentivo aos seus colaboradores que oferece bônus de 3% para pontuações em áreas como operações de aeronaves, satisfação dos passageiros em voos e segurança.

Do outro lado da lista estão duas conhecidas dos brasileiros, a United e Americam Airlines. São estas duas operadoras de linhas aéreas que ocupam as piores colocações.

Atrasos em voos, bagagem extraviada, overbook e reclamações das mais variadas situações são constantes nestas empresas.

source: http://avianca.edestinos.com.br

Avianca disponibilizará voos diários entre POA e Lima

AviancaA empresa de linhas aéreas Avianca anunciou recentemente que a partir de 15 de novembro, os voos diretos entre Porto Alegre e Lima, no Peru, serão diários. Atualmente a companhia de linhas aéreas conta com uma frequência de três voos semanais entre os dois destinos.

O anúncio oficial da empresa de linhas aéreas foi feita na última quarta-feira, dia 24, pelo diretor da Divisão Internacional da aérea, Ian Gillespie, para o secretário municipal de Turismo de Porto Alegre, Luiz Fernando Moraes. A oficialização do anúncio acontecerá no dia 7 de agosto em reunião com o prefeito de POA, José Fortunati.

De Peru para porto Alegre, a aeronave da companhia de linhas aéreas Avianca, partirá às 23h02 com pouso no Salgado Filho às 5h58. No sentido oposto, de Porto alegre para Lima, o voo diário sairá às 6h33, pousando em Lima às 9h32. O principal objetivo da empresa é o de atender os segmentos corporativo e de turismo com mais oportunidade de conexões, como o voo direto que opera entre Lima e Miami, nos Estados Unidos, desde o dia 15 deste mês. Os voos são operados em aeronaves Airbus A330, com 252 assentos, que decolam diariamente da capital peruana às 10h04.

AviancaDesde 3 de Dezembro de 2009 que a Taca, empresa de linhas aéreas que futuramente iria fundir-se com a Avianca, opera voos diretos entre a capital gaúcha e Lima. O Processo de fusão aconteceu no início de Fevereiro de 2010, originando a Avianca-Taca Limited, nova companhia sediada nas Bahamas.

A Avianca Brasil é uma companhia de linhas aéreas comerciais brasileira, com sede na cidade de São Paulo e pertecente ao Synergy Group, também controlador das empresas aéreas AviancaTaca, AeroVip e Aerogal. O grupo é comandado pelo empresário Germán Efromovich. Em 2004 foi comprada pela empresa colombiana Avianca, a mais antiga companhia de linhas aéreas das américas e segunda mais antiga do mundo, junto a Julio Mario Santo Domingo e seu grupo empresarial Bavaria, de onde surgiu a Synergy Aerospace, que posteriormente compraria a VIPSA do Equador, Aerogal do Equador, SAM da Colombia e se fundiria com a TACA em 2010. Em seguida iniciou um agressivo plano de expansão, dando início às rotas internacionais, operadas com dois modelos Boeing 767-300ER adquiridos da United Airlines e um Boeing 757-200 adquirido na França, este posteriormente equipado com winglets.